diario as beiras
CoimbraDesporto

Universidade quer ajudar ainda mais os atletas olímpicos

29 de junho às 09h54
0 comentário(s)
Fotografia: Paulo Amaral | UC

Reitor recebeu ontem os cinco representantes que a Universidade de Coimbra terá nos Jogos Olímpicos e nos Jogos Paralímpicos de Paris, ouviu anseios e prometeu ainda mais ajudas para conciliar estudos com o alto rendimento

“Eu só não fui para Desporto porque não ia conseguir passar nas provas de ginástica, mas toda a minha vida pratiquei desporto e é um orgulho ter-vos em Paris”. O reitor da Universidade de Coimbra conhece “bem o esforço destes atletas” e, por isso, fez questão de os receber e encorajar antes da partida para as olimpíadas.

“Que representem o melhor possível o nosso país”, desejou Amílcar Falcão, acrescentando que “a Universidade estará toda a torcer por vós”.

A Universidade de Coimbra estará representada, em Paris, por duas atletas, nos Jogos Olímpicos, e três nos Jogos Paralímpicos.

A estudante da Faculdade de Medicina, Catarina Costa, ocupa o 7.º lugar do ranking mundial na categoria de -48kg e é uma das favoritas às medalhas, depois do 5.º lugar em Tóquio.

A nadadora campeã europeia nos 200m costas, Camila Rebelo, também estuda Medicina, e tenta surpreender na sua participação nos Jogos.

Nos Jogos Paralímpicos estarão dois estreantes, o Diogo Cancela, da Faculdade de Ciências e Tecnologia, e Tomás Cordeiro, da Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação, ambos da paranatação, e Telmo Pinão, da Faculdade de Desporto e Educação Física, que vai para a terceira participação no ciclismo.

|Pode ler a notícia na integra na edição de hoje do DIÁRIO AS BEIRAS

Autoria de:

Bruno Gonçalves

Deixe o seu Comentário

O seu email não vai ser publicado. Os requisitos obrigatórios estão identificados com (*).


Coimbra

Desporto