diario as beiras
CIM Região de CoimbraCoimbra

PS outra vez a braços com queixas na justiça relacionadas com novos militantes

01 de julho às 07h42
0 comentário(s)
DR

Em 2016, cerca de uma vintena de militantes e dirigentes da Distrital de Coimbra do PS estiveram envolvidos num processo relacionado com a alegada falsificação de documentos para inscrição de novos militantes.

A inscrição de novos militantes volta a dar origem a queixas judiciais, no distrito de Coimbra, embora com contornos diferentes.

Em Soure, avança o JN, os socialistas António Ferreira e João Gouveia pediram ao Tribunal Constitucional que suspenda as eleições concelhias do partido, este fim de semana, em oito secções da Federação Distrital de Coimbra, invocando alegadas irregularidades em cerca de um milhar de fichas de inscrição de militantes.

Por sua vez, apurou o DIÁRIO AS BEIRAS, o socialista (e vice-presidente da Câmara de Condeixa-a-Nova) António Lázaro Ferreira solicitou a impugnação da aprovação de novos militantes, pelo Secretariado Nacional do PS, e dos cadernos eleitorais das secções de Anobra e Condeixa-a-Nova, onde constam cerca de 300 novos militantes cujas fichas de inscrição foram assinadas pelo vice-presidente da Distrital Daniel Vítor Antão, alegadamente à revelia da restante equipa da estrutura e sem a realização das necessárias reuniões e respetiva aprovação pelo órgão partidário.

A impugnação foi enviada ao Tribunal Constitucional e à Comissão Nacional de Jurisdição do PS. O “tribunal” do partido, porém, ainda não respondeu à participação anteriormente enviada pela Distrital de Coimbra, sobre o mesmo assunto, o que terá motivado o recurso à justiça do Estado.

As fichas dos novos militantes do PS com a assinatura de Daniel Vítor Antão, apurou ainda o DIÁRIO AS BEIRAS, terão sido entregues, pela socialista condeixense Liliana Pimentel, na direção nacional do partido entre dezembro de 2023 e março do corrente ano.

Na sequência deste processo, que a direção da Distrital socialista considera que foi conduzido à margem do regulamento do partido, esta estrutura retirou a confiança política a Daniel Vítor Antão. Este não se demitiu e integra a lista de Pedro Martins à liderança da Concelhia de Coimbra.

Pode ler a notícia completa na edição impressa e digital do dia 01/07/2024 do DIÁRIO AS BEIRAS

Autoria de:

Jot'Alves

Deixe o seu Comentário

O seu email não vai ser publicado. Os requisitos obrigatórios estão identificados com (*).


CIM Região de Coimbra

Coimbra