diario as beiras
ArganilGeral

Piódão vence principal prémio ibérico de arquitetura

14 de junho às 16h55
0 comentário(s)

O projeto de requalificação da praça central e do posto de turismo do Piódão, no concelho de Arganil, venceu o prémio ibérico FAD, na categoria Cidade e Paisagem.

Os prémios FAD de Arquitetura e Interiorismo são promovidos pelo Fomento de las Artes y del Diseño desde 1958 e distinguem anualmente as melhores obras de arquitetura concretizadas em Portugal e Espanha.

“Ficamos muito orgulhosos e satisfeitos com esta nova distinção internacional. Estamos a falar do principal prémio de arquitetura ibérica, o que atesta a qualidade e a relevância da nossa obra, não só pelo impacto muito positivo que tem na vida das pessoas, mas também pelo seu contributo como boa prática arquitetónica”, declarou o presidente da Câmara Municipal de Arganil, Luís Paulo Costa.

O projeto dos arquitetos João Branco e Paula Del Rio (Branco Del Rio Arquitectos), encomendado pelo município de Arganil, continua a conquistar elogios e distinções. Este prémio ibérico chega poucos meses depois de o projeto ter feito parte da restrita lista de sete finalistas dos Prémios Mies van der Rohe 2024.

Para o presidente da Câmara, a obra realizada no Piódão “é um excelente exemplo de como a arquitetura simples e totalmente enquadrada com o lugar e com as técnicas tradicionais pode fazer a diferença e tornar-se uma referência internacional”.

O júri dos prémios FAD destaca a forma como a complexidade formal do largo foi resolvida com a introdução de um espaço circular de xisto e ardósia sem inclinações nem passeios, que funciona como “ponto de encontro” dos habitantes da aldeia. “A intervenção discreta não faz distinção entre o novo e o antigo nesta praça – anteriormente ocupada por automóveis – que serve de entrada principal da aldeia”.

Para a conquista deste que é um dos galardões mais antigos e prestigiados do setor contribuiu, ainda, o facto de a obra surgir como um modelo de combate ao esquecimento e desertificação das aldeias do Interior.

As intervenções concretizadas na Aldeia História do Piódão foram inauguradas em novembro de 2022 e envolveram um investimento do município de Arganil na ordem dos 930 mil euros, financiado em 400 mil euros pelo Turismo de Portugal, no âmbito do Programa Valorizar.

Autoria de:

redação as beiras

Deixe o seu Comentário

O seu email não vai ser publicado. Os requisitos obrigatórios estão identificados com (*).


Arganil

Geral