Opinião – Necessário?

Posted by

Que sugestões tem para o futuro Parque Urbano?

A estória do “futuro parque urbano da figueira da foz” é antiga, com sobressaltos ao longo do tempo e sempre novas dúvidas quanto à sua concretização. Neste momento a Câmara Municipal volta a pegar no assunto, propondo-se fazê-lo avançar. Tenho sérias dúvidas quanto à oportunidade da decisão, tendo em conta o momento que atravessamos e que não está para brincadeiras, como sói dizer-se. Não quero com isto sugerir que o parque urbano seja mera distracção, uma inutilidade. Não.
Será uma estrutura bem-vinda se bem gizada e ambientalmente sustentável. Mas não penso que seja uma urgência. Não podemos adivinhar o que aí vem, apesar do sinal forte de esperança que nasceu com o surgimento de vacinas contra a malévola doença. Mas até que os seus benefícios sejam uma realidade palpável, temos caminho para andar que não parece de todo fácil.
O agravamento das condições sociais será inevitável e o apoio aos mais vulneráveis, sob as mais diversas formas, isso sim será a prioridade a ter em conta por parte dos poderes públicos, assumindo as autarquias um papel insubstituível face à emergência. Daí a minha reticência em relação a este projecto agora. Será mesmo necessário avançar para o parque urbano neste momento? Preferia que continuasse a aguardar, desta feita por melhores dias.
Quando acontecesse como gostaria que fosse? Um espaço relvado, com flores, muitas flores e árvores. Estas transplantadas, na sua maioria. Para não se repetir a má experiência de pretensos locais de lazer sem qualquer sombra. Perdida que está a reposição do saudoso coreto por que não assumi-lo aqui? Para futuros concertos de filarmónicas, espectáculos com ranchos folclóricos, exibições de classes de ginástica … Com brinquedos infantis, não esquecendo os velhinhos baloiços e cavalinhos de roda. Com uma biblioteca de troca de livros usados e de empréstimo para leitura no local. Um quiosque ou pequeno bar de gelados, lanches e bebidas. E bancos ergonómicos de madeira tratada, não incómodos e feios assentos de cimento. E pássaros, criando condições que os convidem a ficar por ali. Um lago com patos para alegria dos meninos.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.