Missão cumprida: operados 47 doentes com filariose linfática na Guiné

FOTO DR

O médico e antigo professor universitário de Coimbra, Norberto Canha viajou, no dia 11 deste mês, para a Guiné Bissau com um objetivo claro: o de operar cerca de 20 doentes com elefantíase ou filariose linfática. A missão foi cumprida e superada: foram operados 47 doentes, no âmbito da “Missão Catimbó”,

A informação foi avançada por Celso Cruzeiro, cirurgião plástico que dirigiu a Cirurgia Plástica e Reconstrutiva dos HUC, que também participou nesta missão e que, através das redes sociais, foi dando conta da missão.

Refira-se que a viagem foi preparada durante mais de um ano por uma equipa liderada por Norberto Canha, Carlos Lobo, da organização não-governamental para o desenvolvimento (ONGD) Água Triangular, e Miguel Silva, da Associação Union Fraternelle Portugal (AUFP).

Versão completa na edição impressa

 

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.