Produtora dos concertos dos U2 em Coimbra dá mais do que recebe

Posted by

O administrador da Turismo de Coimbra, Gonçalo Lobo Xavier, disse ontem que a empresa municipal continuará a apoiar a realização de espetáculos que “tragam retorno para a cidade”.

Questionado sobre a polémica do apoio de 200 mil euros para estes concertos, o responsável disse desconhecer as críticas dos músicos de Coimbra, realçando que a verba usada serviu para realizar algumas benfeitorias no estádio e na cidade e que o seu retorno, em termos económicos, para a cidade e para a região é “20 vezes superior ao investimento realizado”.

Quanto à empresa produtora, Álvaro Ramos revelou que o protocolo assinado entre a Ritmos&Blues e a Turismo de Coimbra permitirá que sejam realizadas duas benfeitorias cujo custo é “superior ao investimento da empresa municipal”. O novo relvado e as obras no estádio, que permitirão a entrada de veículos pesados no recinto, serão pagas “por nós [produtora]”.

Necessidades que, como frisou Álvaro Ramos, “não eramos obrigados a realizar”. “Quisemos, desta forma, minimizar o mais possível a pouca comodidade que teríamos de fazer nos outros concertos”, disse.

O administrador diz que, feitas as contas, o valor da fatura a pagar pela Ritmos&Blues “será superior ao que a Turismo de Coimbra eventualmente tenhamos recebido”.

Por outro lado, o produtor revelou que a parceria estabelecida previa a divulgação da marca Coimbra “junto a um nome global como são os U2”. O facto dos bilhetes para os dois espetáculos terem esgotado em apenas sete horas levou a que a Ritmos & Blues não tenha sido obrigado a gastar dinheiro em publicidade.

Aliás, Álvaro Ramos disse que “se tal não tivesse acontecido, Coimbra não teria sido falada como foi pelos órgãos de comunicação social a nível nacional e internacional. Por outro lado, Coimbra deve orgulhar-se por ser uma das poucas cidades na Europa que receberam dois concertos dos U2”.

4 Comments

  1. Proponho que a Ritmos e Blues seja destacada e homenageada por ser a unica empresa portuguesa que recebe 200.000 da Câmara e gasta ainda mais em benfeitorias. Bons samaritanos e, talvez, grandes mentirosos.

  2. Se não sabes o que estás a dizer, CALA-TE!!! Deves ser um daqueles que se conseguisse organizar uma festa de garagem, haverias de tentar ganhar o máximo por cada carica de cerveja. O que vale é que nem para isso tens jeito.

  3. joaquimarques says:

    Não tenho nem dinheiro nem vontade de me divertir.
    Por isso, aqueles que não temem o futuro e nem precisam de poupar, divirtam-se à brava.
    Vivam o U2 e os submarinos amarelos.

  4. coimbrinha says:

    talvez 200.000 tenha sido um pouco exagerado, mas teve seguramente mais retorno que 10.000 euros gastos em compadrios.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*