Município de Miranda do Corvo vota adesão ao Centro da Biomassa para a Energia

DR

Uma proposta de adesão da Câmara Municipal de Miranda do Corvo ao Centro da Biomassa para a Energia vai ser analisada e votada amanhã, sexta-feira, pelo executivo camarário.
Segundo a proposta que vai à reunião, a entrada do município nesta entidade será feita como associado efetivo (Classe D), subscrevendo, para o efeito, capital social daquela entidade no valor correspondente a 10 unidades de participação, isto é, no valor de 2.500 euros.
Uma nota enviada pela câmara explica que a elevada mancha florestal do concelho e a necessidade de valorizar os recursos que daí advêm, designadamente a biomassa florestal, são as principais razões que levam à apresentação desta proposta.
A autarquia argumenta que o aproveitamento da biomassa florestal contribui para a gestão sustentável das florestas e para a prevenção da ocorrência de incêndios florestais, áreas da maior importância para o Município de Miranda do Corvo, sobre as quais dispõe de atribuições, designadamente em domínios como energia, proteção civil, promoção do desenvolvimento, entre outros.
A valorização de biomassa, essencialmente, para fins energéticos é o que, na prática, o município de Miranda do Corvo pretende que esta entidade com sede no concelho concretize. Esta intenção permite “dar cumprimento às suas atribuições em diversas áreas e poderá proporcionar o desenvolvimento de um percurso estratégico, designadamente na execução de projetos no âmbito de programas financiados ou cofinanciados por fundos europeus”.

Pode ler a notícia completa na edição impressa e digital do DIÁRIO AS BEIRAS

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.