Relatório final de acidente com Alfa Pendular em Soure será divulgado em setembro

Posted by

ARQUIVO DB – PEDRO RAMOS

O relatório final da investigação ao descarrilamento do comboio Alfa Pendular, em Soure, no distrito de Coimbra, vai ser divulgado em meados de setembro, após audiência das entidades, informou o organismo que investiga acidentes ferroviários.

“Após a receção dos eventuais comentários das entidades envolvidas, será produzido o relatório final, prevendo o GPIAAF [Gabinete de Prevenção e Investigação de Acidentes com Aeronaves e de Acidentes Ferroviários] a sua publicação em meados do próximo mês de setembro”, refere o organismo numa nota publicada sexta-feira no seu ‘site’ na Internet.

A informação é adiantada na véspera do acidente, que provocou dois mortos e 44 feridos, completar um ano.

“Decorrendo um ano sobre a ocorrência do acidente que consistiu na colisão de um comboio Alfa Pendular com um veículo de manutenção, na estação de Soure, (…) informa-se que o relatório da investigação foi remetido para a audição das partes”, indica o GPIAAF.

Em janeiro, o Gabinete de Prevenção e Investigação de Acidentes com Aeronaves e de Acidentes Ferroviários esperava concluir até julho a investigação.

Em resposta enviada à agência Lusa, na ocasião, o GPIAAF dizia que tencionava “publicar o relatório final da investigação no prazo de até um ano após o acidente [31 de julho de 2020], conforme as práticas recomendadas internacionalmente”.

O descarrilamento do comboio Alfa Pendular, com 212 passageiros a bordo, provocou, em 31 de julho de 2020, dois mortos (os trabalhadores que seguiam no veículo de conservação de catenária – VCC) e 44 feridos, oito dos quais graves.

O comboio seguia no sentido sul-norte com destino a Braga e o descarrilamento deu-se após o Alfa Pendular abalroar um VCC, que entrara na via, segundos antes, junto à localidade de Matas.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.