Achados arqueológicos atrasam ligação da Baixa à Alta pelo Botânico

Posted by

05 fonte-jardim-botanico dr

A descoberta de vestígios arqueológicos, junto ao Arco da Traição, está a atrasar a conclusão da obra de ligação da Baixa à Alta pelo Jardim Botânico. Este atraso foi, ontem, anunciado pelo presidente da Câmara de Coimbra, que espera ver o assunto “resolvido ainda durante este ano civil”.

A empreitada, contratada pela Câmara, implicou a reabilitação de um portão, na Rua da Alegria, e respetivo troço de entrada no Botânico. Depois, ao longo do jardim, foi delimitado e arranjado o percurso a utilizar pelos veículos de transporte de passageiros – do tipo miniautocarros, que Manuel Machado revelou estarem já comprados.

O autarca falava, ontem, na reunião da Assembleia Municipal de Coimbra. Uma intervenção em que, para além da linha do Botânico, Machado fez questão de enumerar grande parte das iniciativas políticas – no urbanismo, no ambiente e espaços verdes, na cultura, na mobilidade… -, refutando as várias interpelações, nomeadamente, sobre obras (ou a falta delas) na área do município.

Versão completa na edição impressa

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.