Óbito/Artur Jorge: FPF decreta um minuto de silêncio nos jogos a partir de hoje

Posted by
Spread the love

DR

A Federação Portuguesa de Futebol (FPF) decretou um minuto de silêncio em todos os jogos que organiza a partir de hoje em memória do antigo futebolista e treinador Artur Jorge, que morreu aos 78 anos.

“A FPF decretou o cumprimento de um minuto de silêncio em memória de Artur Jorge, falecido na madrugada desta quinta-feira, 22 de fevereiro de 2024, aos 78 anos. A homenagem será prestada a partir de hoje em todos os jogos das competições organizadas pela FPF”, refere em comunicado.

Artur Jorge representou a seleção nacional por 16 vezes enquanto jogador e foi selecionador nacional em dois períodos distintos nos anos 90.

O antigo avançado Artur Jorge, nascido no Porto, em 13 de fevereiro de 1946, iniciou a carreira no FC Porto, tendo, depois, rumado à Académica, em Coimbra, onde, como jogador-estudante cursou Filologia Germânica, antes de chegar ao Benfica, clube no qual venceu quatro campeonatos e duas Taças de Portugal.

Prosseguiu a carreira no Belenenses, antes de a encerrar nos norte-americanos do Rochester Lancers, em 1977, enveredando, depois, pela carreira de treinador, na qual teve o momento alto em 1986/87, ao vencer a Taça dos Clubes Campeões Europeus ao serviço do FC Porto.

Além deste sucesso nos ‘dragões’, que comandou em dois períodos, passou por clubes como Vitória de Guimarães, como adjunto, Belenenses, Portimonense, Matra Racing, Benfica, Tenerife, Vitesse, Paris Saint-Germain, Al Nassr, Al Hilal, Académica, CSKA Moscovo, Al Nasr, Creteil Lusitanos e Alger, além da seleção de Portugal, em duas ocasiões, dos Camarões e da Suíça.

Ao longo da carreira de treinador, Artur Jorge conquistou três campeonatos portugueses, uma Supertaça e uma Taça de Portugal pelo FC Porto, além da ‘Champions’, e um título de campeão francês.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.