Vila Nova de Poiares: Educação para a cidadania passou a envolver o 1º Ciclo

Posted by
Spread the love

DR

A educação para a cidadania e a mobilização dos jovens para intervenção ativa na sociedade começa a partir do 1.º Ciclo do Ensino Básico.
Pelo menos é assim que pensa a Câmara Municipal de Vila Nova de Poiares, que decidiu alargar, neste ano letivo, o seu programa “My Polis nas escolas” às crianças com menos de 10 anos, que passaram a participar também nas atividades que, nos dois últimos anos, já abrangiam os 2.º e 3.º Ciclos de Ensino e Secundário.
Assim, no âmbito das Atividades de Enriquecimento Curricular (AEC) promovidas pela autarquia, os alunos dos centros escolares da Arrifana, São Miguel e Santo André participaram, durante três dias, nas designadas “Assembleias de Transformadores Sociais”.
No fundo, trata-se de um espaço de debate que envolveu alunos e restante comunidade educativa e os decisores políticos locais, nomeadamente a vereadora da Educação, Maria da Luz Pedroso.

Espaço de debate dos jovens com os eleitos

Foi principalmente com a autarca local que eles colocaram as principais questões: entre os problemas e propostas apresentadas pelos alunos esteve em destaque “a temática do ambiente e da sustentabilidade, designadamente com a necessidade de dotação de compostores e a possibilidade de criar hortas nos seus centros escolares”, a par de outras questões, que também consideraram importantes para merecer a atenção do município liderado por João Miguel Henriques.
Em simultâneo, e durante todo o ano letivo, “os restantes alunos têm desenvolvido um trabalho de discussão entre si, por forma a prepararem aquelas que serão as suas propostas a apresentar na referida “Assembleia de Transformadores Sociais”, adiantam os serviços municipais em nota de imprensa.
Já só faltam cerca de três meses para preparar as propostas e fazer esse debate final anual, agendado para maio, e que vai aproximar os eleitos locais dos jovens residentes do concelho, quase todos ainda sem direito de voto em eleições nacionais.
O programa MyPolis foi constituído em 2018, exatamente com o objetivo de aproximar os jovens dos políticos, implementado desde 2019 pelo Município de Vila Nova de Poiares.
Neste percurso são várias as propostas de alunos que foram validadas pela Câmara Municipal, nomeadamente em matéria de segurança rodoviária, em particular junto da Escola Dr. Daniel de Matos, ou no âmbito da sustentabilidade ambiental, com a criação de uma “Eco Loja” para troca de roupa.
Para a autarquia presidida por João Miguel Henriques, trata-se de “uma oportunidade para os jovens desenvolverem competências pessoais e sociais, ao mesmo tempo que promove a cidadania ativa, aproximando-os dos decisores políticos e envolvendo-os nas decisões que afetam as suas vidas”.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.