Festival do Arroz e da Lampreia em Montemor-o-Velho decorre de 10 a 19 de março

Posted by
Spread the love

DB/Foto de Ana Catarina Ferreira

O Festival do Arroz e da Lampreia, em Montemor-o-Velho, realiza-se de 10 a 19 de março, com um programa de animação reforçado e ainda viagens de comboio turístico gratuitas.

As viagens de comboio turístico realizam-se nos dias 11, 12, 18 e 19 de março, entre as 15H00 e as 18H00, com três percursos temáticos, onde será possível conhecer o património edificado, agrícola e natural de Montemor-o-Velho.

O veículo vai circular “numa rota para a apreciação dos nossos monumentos, da nossa vila, do Centro Náutico, do Castelo, de tudo aquilo que possa ser apreciado pelos nossos turistas”, tratando-se de uma forma de “aliviar a pressão junto da tenda”, disse hoje, na sessão de apresentação da iniciativa, o presidente da Câmara Municipal de Montemor-o-Velho, Emílio Torrão.

“Temos de criar sempre motivos de diversão fora da tenda, porque a tenda tem momentos em que chega ao ponto de rotura, tal é a afluência de pessoas”, acrescentou o autarca.

A 21.ª edição acontece em três vertentes, nos restaurantes aderentes, na tenda do evento e, ainda, no ‘site’ do festival onde terá informações e conteúdos específicos.

De 10 a 19 de março, a iniciativa haverá na tenda, instalada no largo da feira, no centro da vila de Montemor-o-Velho, cinco tasquinhas, oito espaços de bares e petisqueiras, seis espaços de doçaria tradicional, uma zona infantil, um mercado de produtos endógenos, assim como um espaço de exposição de artesanato, institucional, comércio e serviços.

Será nesta tenda, de 4.200 metros quadrados, que vão decorrer os concertos, com vários artistas, entre os quais Mónica Sintra (10 de março), Marco Rodrigues (11 de março) e Herman José (18 de março).

Na edição de 2023 estão previstas atuações de ranchos e grupos folclóricos locais e ainda um programa de animação com diversos DJ.

Já durante todo o mês de março, o Festival do Arroz e da Lampreia decorre nos 12 restaurantes aderentes à iniciativa.

O evento tem a mais-valia de se realizar em “época baixa” o que “ajuda não só a captar e motivar os fluxos turísticos, mas muito em particular aqueles que, ao longo dos outros meses do ano, estão menos convidados para participarem nestes eventos”, frisou, o presidente da Turismo Centro de Portugal, Pedro Machado.

A iniciativa conta com um espaço infantil denominado Morlândia, com 150 metros quadrados, que incluirá nomeadamente atividades lúdicas para crianças e sessões de robótica aos fins de semana.

Este ano decorre também as 24 horas de arroz-doce ao vivo, nos dias de 10, 11 e 18 de março, onde o público toma o lugar de protagonista do festival e dá a provar as suas receitas.

O festival, que conta com um investimento de cerca de 110 mil euros, terá ainda com o evento MiniChef, dirigido a crianças entre os seis e os 12 anos, numa parceria entre a Câmara Municipal e a Escola de Hotelaria e Turismo de Coimbra.

Os visitantes que quiserem degustar o arroz de lampreia devem reservar previamente junto dos restaurantes aderentes, devido à escassez da lampreia, alerta a autarquia.

A entrada na tenda do festival é gratuita.

O Festival do Arroz e da Lampreia é promovido pelo município de Montemor-o-Velho e conta com a parceria estratégica da Turismo do Centro de Portugal e integra a Região de Coimbra – Região Europeia de Gastronomia 2021/2022 – “A Milion Food Stories”.

2 Comments

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.