Kickboxing: Romanos deram nova vida ao pavilhão da aldeia que o furacão destruiu

Em poucos meses, Campizes, no concelho de Condeixa-a-Nova, foi invadida por Romanos e tornou-se numa verdadeira “aldeia do kickboxing”.

O Centro Desportivo de Campizes (CDC) mostrou como uma tempestade pode acabar em bonança. E aqui a tempestade não tem nada de figurado.

“Isto estava completamente destruído. O Leslie arrancou uma grande parte do telhado e chovia por todo o lado. As madeiras ficaram estragadas, assim como as instalações elétricas…”, conta Rui Ferreira.

A comissão de gestão do CDC “estava quase para entregar a chave do pavilhão à autarquia”, e foi aí que um grupo de amigos decidiu meter mãos à obra.

“Era um crime deixar estragar uma casa que é do povo da terra e numa semana criámos uma direção e candidatámo-nos a apoios do Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC) no âmbito do Leslie para recuperar o telhado”, recorda o presidente da direção do CDC.

A candidatura foi aceite, “o apoio seria de 75 por cento, mas, afinal, tanto nós como a câmara fomos surpreendidos e, afinal, só nos deram 25 por cento. A câmara acabou por assumir a diferença”. O apoio da autarquia não se ficou pela cobertura “e também ajudou noutras recuperações, como da pintura e parte elétrica, etc.”, acrescenta Rui Ferreira.

Mãos à obra e “o trabalho foi feito quase todo pela direção”, recorda a vogal do CDC, Isabel Janeiro. “Só a cobertura foi feita por uma empresa”, acrescenta Tiago Fernandes, secretário da assembleia geral.

Ler reportagem completa na edição de hoje do DIÁRIO AS BEIRAS

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.