Cervaens Costa pede investimento contínuo na segurança da barra

Posted by

DR/Jot’Alves

O novo comandante da Capitania do Porto e da Polícia Marítima da Figueira da Foz tomou ontem posse, sucedendo a João Lourenço, que passa a exercer funções na Direção-Geral da Autoridade Marítima. Cervaens Costa, de 46 anos , natural do Porto, comandou a Capitania de Caminha e, até segunda-feira, foi subdiretor do Instituto de Socorros a Náufragos (ISN).

Na sua primeira intervenção pública após ser empossado pelo contra-almirante Noronha de Bragança, o novo comandante abordou os investimentos anunciados para o Porto da Figueira da Foz (ver texto ao lado), defendendo que devem ser contínuos. “A barra é uma das questões fundamentais da nossa atuação”, afirmou, depois, Cervaens Costa aos jornalistas.

“A segurança dos navegadores é uma prioridade para a Capitania do Porto da Figueira da Foz e para o comando local da Polícia Marítima, em particular para os tripulantes de embarcações salva-vidas. Creio que tem de haver um investimento forte, ao nível dos fundos, e creio que é isso que está a acontecer, mas tem de ser continuado, não basta ser uma situação pontual”, acrescentou.

De Mira a Leiria

Cervaens Costa referia-se às dragagens regulares e preventivas, defendendo que “tem de haver um plano rigoroso relativamente a esta intervenção, (para se mitigar) o risco de haver acidentes na barra”. Para Cervaens Costa, segurança é a palavra de ordem: “A segurança é fundamental. As pessoas só vão para lugares onde se sintam seguras”, sustentou.

O comandante tem a seu cargo 12 agentes da Polícia Marítima e cinco elementos da estação do ISN, além dos civis que trabalham na capitania. E, ainda, uma área costeira de 60 quilómetros de extensão, nos concelhos da Figueira da Foz, Cantanhede, Pombal, Mira e Leiria, dentro da Zona Económica Exclusiva marítima.

A cerimónia de mudança de comandante contou com a participação de representantes de diversos organismos do Estado e dos presidentes dos municípios da Figueira da Foz e Cantanhede, Santana Lopes e Helena Teodósio. Os restantes concelhos da jurisdição da Capitania do Porto da Figueira da Foz fizeram-se representar por vereado

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.