Opinião: O parque de estacionamento pode desenvolver o Mercado Municipal?

Posted by

Não
O estacionamento precisa de método e organização. Em primeiro lugar os comerciantes do Mercado Municipal não têm lugares para cargas e descargas nem para estacionamento designado para os seus carros/carrinhas. Na remodelação do Mercado tudo isto foi omitido e o problema ficou por resolver.
Sucede agora que muitos comerciantes estacionam mesmo em frente ao Mercado, ou à sua loja, ignorando multas e as necessidades dos clientes em estacionar para ir às compras. A Figueira Parques não atua eficazmente porque afirma não ter meios.
Hoje, dia 12 de agosto, precisei de estacionar junto ao Mercado ao início da tarde. Há muitos lugares livres num raio de 200 metros, basta querer encontrar e estar disposto a andar um pouco. Isto apesar, de como afirmo, muitos lugares estarem ocupados por comerciantes e funcionários, em modo de longa duração. É esta a realidade que urge compreender e disciplinar, distinguir entre quem vai às compras e precisa de 15 minutos de estacionamento e quem vai trabalhar e ocupa 10 horas do espaço público, escasso e dispendioso (manutenção).
Há estudos credíveis sobre a quantidade de lugares de estacionamento necessários? Qual a taxa de ocupação do atual estacionamento? Quem ocupa os lugares e porquê? Alguém sabe?
A Figueira vai gastar rios de dinheiro num parque subterrâneo desnecessário, mas disciplinar o trânsito dá muito mais trabalho do que contrair empréstimos e endividar o país.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.