Hong Kong mais próspera nos próximos cinco anos

Foto DR

No discurso que proferiu nas celebrações do 25.º aniversário da reintegração de Hong Kong, o Presidente chinês, Xi Jinping, referiu quatro objectivos para um novo salto em frente, nos próximos cinco anos, daquela Região Administrativa Especial. São eles o aperfeiçoamento da governação, o reforço do desenvolvimento, a resolução dos problemas da população e a defesa da harmonia e da estabilidade.

Xi Jinping disse esperar que o novo governo de Hong Kong, agora empossado, aperfeiçoe ainda mais a aplicação prática da política traduzida no conceito de “Um País, Dois Sistemas”, respondendo às preocupações dos seus habitantes. E sublinhou:

“O Governo Central apoia plenamente Hong Kong no aproveitamento das oportunidades históricas trazidas pelo desenvolvimento do país, enquadrando-se nas estratégias nacionais, como o 14º Plano Quinquenal, a construção da Área da Grande Baía de Guangdong-Hong Kong-Macau e o desenvolvimento da iniciativa ‘Uma Faixa, uma Rota”.

O referido Plano Quinquenal prevê o apoio a Hong Kong para reforçar as suas vantagens tradicionais como centro internacional financeiro, marítimo e comercial, proporcionando à região um reforço de protagonismo, o que inclui o apoio à construção de um centro internacional de inovação e tecnologia e o desenvolvimento de um centro de intercâmbio cultural e artístico entre a China e o estrangeiro. Isso permitirá que Hong Kong se torne, simultaneamente, parte importante no desenvolvimento do País e no intercâmbio internacional, e local atractivo para o investimento estrangeiro.

Defendendo que o desenvolvimento é a chave para a felicidade do povo, o Presidente chinês apelou ao Governo de Hong Kong para que, no mandato agora iniciado, se esforce no sentido de resolver os problemas de habitação, de melhorar o sistema de educação da juventude e de proporcionar maiores cuidados para quem vai envelhecendo.

Lembrando o sucesso alcançado nos últimos 25 anos em Hong Kong, Xi Jinping afirmou que, no futuro, aproveitando o essencial de “Um País” e fazendo bom uso das vantagens de “Dois Sistemas”, a “Pérola do Oriente” irá desbravar novos caminhos e será ainda mais próspera.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.