Produtor doa duas toneladas de kiwi às IPSS de Cantanhede

Posted by

D.R.

A Quinta do Parisol, sediada no concelho de Montemor-o-Velho, doou duas toneladas de kiwi às instituições particulares de solidariedade social (IPSS) do concelho de Cantanhede, no distrito de Coimbra.

“Foram 2.040 quilogramas de kiwis que foram distribuídos pelas nossas 25 instituições particulares de solidariedade social”, disse hoje, à agência Lusa, a vereadora da Câmara responsável pelo pelouro da Ação Social, Célia Simões.

A Quinta do Parisol, na freguesia de Seixo de Gatões, concelho de Montemor-o-Velho, fez esta doação às IPSS do concelho de Cantanhede, já que não conseguiu “escoar o produto”.

“Eram bons [kiwis], não eram pequeninos, não tinham defeitos. Foi um produto que não foi escoado”, realçou Célia Simões.

“O produto era bom, tinha muita qualidade e resolveu oferecê-los para fazer a diferença”, adiantou.

De acordo com a vereadora, as IPSS do concelho de Cantanhede foram contactadas e “todas manifestaram interesse” naquele produto.

O transporte dos kiwis foi assegurado pelos serviços da Câmara Municipal de Cantanhede, sendo que, algumas das IPSS foram, elas próprias, ir buscar o produto.

Os 2.040 quilogramas de kiwis representam um donativo no valor de 3.060 euros.

Célia Simões acrescentou que a empresa costuma fazer doações, no entanto nunca tinha acontecido uma doação “numa quantidade tão grande”.

Trata-se de uma ação que constitui uma “mais-valia” para as IPSS do concelho, numa altura em que o “encarecimento de tudo o que é produto alimentar é muito alto”, e ainda num período de “extrema dificuldade económica, porque os subsídios que têm agora são aqueles que já têm há muitos anos”.

“As exigências foram muito maiores nestes dois últimos anos e, portanto, fazem completamente a diferença estes apoios e estas doações”, concluiu.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.