Comissão de Coordenação do Centro promove catalisador regional de inovação

Posted by

Potenciar os recursos existentes no domínio da inovação nas várias sub-regiões da região Centro é um dos objetivos do Catalisador Regional de Inovação (CR Inove), hoje anunciado, promovido pela Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC).

Outro objetivo do CR Inove passa por melhorar a interação dos produtores de conhecimento e tecnologia com os seus potenciais utilizadores, sejam estes empresas, entidades da administração pública ou do terceiro setor, ou seja, iniciativas de utilidade pública desenvolvidas por organismos privados de economia social e solidária.

Em nota de imprensa enviada à agência Lusa, a CCDRC explicou que “irá promover um processo estruturado de cooperação entre as comunidades intermunicipais, as entidades do Sistema Regional de Inovação e as associações empresariais”.

Para tal, continuou, serão feitas parcerias “com as oito sub-regiões da Região Centro, através de protocolos de cooperação”.

Segundo a CCDRC, as primeiras parcerias serão oficializadas ainda este mês, a primeira, na quinta-feira, com a sub-região de Médio Tejo. Seguem-se, na sexta-feira, a sub-região de Leiria e na próxima segunda-feira a sub-região de Aveiro.

Citada no comunicado, Isabel Damasceno, presidente da CCDRC, frisou que o Catalisador Regional de Inovação do Centro é “uma iniciativa piloto a desenvolver em toda a região Centro, que visa criar uma nova cultura de cooperação através do efeito acumulado de ações concretas”.

“O principal objetivo do CR Inove é esbater as barreiras culturais e comportamentais que dificultam a interação do conhecimento, tecnologia e sociedade”, observou.

Ainda de acordo com o comunicado da CCDRC, será assumido pelos parceiros “o compromisso de desenvolver, de forma concertada e participada, iniciativas conjuntas em temáticas relevantes para o processo de promoção da inovação, a sistematização e atualização de informação e competências das entidades do Sistema Regional de Inovação pertencentes à sub-região”.

Outros compromissos passam pela “criação de mecanismos de partilha e divulgação de informação, a promoção do desenvolvimento de conteúdos, instrumentos e metodologias de capacitação de atores e de transferibilidade do conhecimento e de tecnologias”.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.