17 anos de prisão por matar a cunhada

Arquivo

Foi ontem condenado a 17 anos de cadeia, em cúmulo jurídico, um homem de 28 anos, acusado de ter matado a tiro a cunhada, em abril do ano passado, em Montemor-o-Velho.
Atualmente detido, o arguido conheceu a sentença em regime de videoconferência, com o coletivo de juízes a ditar condenação de 16 anos por homicídio qualificado da cunhada, de 30 anos, 10 meses de prisão por ofensa à integridade física (agressão ao irmão com a coronha da arma) e dois anos de prisão por detenção de arma proibida. Em cúmulo jurídico, foi aplicada pena única de 17 anos de cadeia.
O caso remonta a abril do ano passado e aconteceu em Ponte de Alagoa (Montemor-o-Velho), na sequência de uma discussão. O arguido esteve sete dias a monte, mas acabou por se entregar à Polícia Judiciária.

 

Notícia completa na edição impressa e digital do DIÁRIO AS BEIRAS de 23/04/2022

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.