Coimbra adere à estratégia de controlo e combate à erva das pampas

Posted by

FOTO DR

O Município de Coimbra aprovou a adesão à Estratégia Nacional de Combate à Cortaderia Selloana (erva das pampas). De acordo coma equipa técnica nacional do Projeto LIFE STOP, o concelho de Coimbra é um dos locais onde esta espécie exótica invasora mais se propaga e, como tal, é necessário avançar com a aplicação de medidas de controlo preventivo e “deteção rápida de exemplares isolados dispersos ou em pequenos núcleos”.

O objetivo, segundo a estratégia, é prevenir as novas colonizações e controlar as já estabelecidas com os meios previstos pela Estratégia Nacional e de acordo com o Manual de Boas Práticas feito no âmbito desta estratégia. Na proposta aprovada na reunião da passada segunda-feira, a autarquia refere que os serviços técnicos da Divisão de Espaços Verdes e Jardins (DEVJ) e Departamento de Ambiente e Salubridade (DAS) “já efetuam intervenções conjunturais de remoção da Cortaderia Selloana”, mas devido à sua forte propagação “são necessárias medidas mais estruturais”.

Com a adesão a esta estratégia, o município garante assessoria técnica, “possível agendamento de ações de formação de curta duração, informação períódica e atualizada sobre gestão e investigação sobre a erva das pampas, assim como acesso aos resultados e conclusões dos trabalhos levados a cabo”.

É que, como o grupo de trabalho recorda, é necessária a intervenção humana para travar o seu conhecimento, pois trata-se de “uma problemática de difícil e dispendiosa resolução, sendo a persistência essencial para se obterem (bons) resultados”.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.