Professora catedrática Helena Freitas é a nova diretora do Parque de Serralves

Posted by

Foto Arquivo DB-Luís Carregã

A professora catedrática Helena Freitas é a nova diretora do Parque de Serralves e promete “dar maior expressão a um papel mais interventivo” do local com atividades de “promoção e divulgação” da – ciência, foi hoje anunciado.

Em comunicado, a Fundação de Serralves explica que Helena Freitas foi nomeada para o cargo pelo seu Conselho de Administração, destacando o seu “extraordinário curriculum na área académica” e o “desempenho de cargos públicos de enorme relevância em Portugal, na União Europeia e junto de organismos internacionais”.

Helena Freitas exercia já o cargo de Coordenadora Geral da equipe diretiva do Parque de Serralves desde agosto de 2020 e, refere o texto, neste cargo deu já inicio a um “ambicioso plano de trabalho de contínua valorização natural e estética do Parque, de desenho e avaliação dos conteúdos dos programas de educação para a sustentabilidade e de desenvolvimento de projetos integrados inseridos nas dinâmicas “do Parque de Serralves.

“Assumo agora formalmente a direção do Parque com o propósito de dar maior expressão a um papel mais interventivo do Parque de Serralves em atividades de promoção e divulgação da ciência e à programação para a sustentabilidade”, declara no texto Helena Freitas.

Segundo a nova responsável pelo Parque de Serralves, naquele local “foi sempre possível harmonizar a estética do espaço com a diversidade dos elementos naturais, garantindo assim um usufruto pleno destas dimensões: da arte à cultura e à natureza.”

Para Helena Freitas “Serralves é uma história de qualidade e de persistência na procura da cumplicidade de saberes, dando primazia ao gosto pela revelação sublime da expressão humana, na sua arte e na sua criatividade”.

A presidente do Conselho de Administração de Serralves, Ana Pinho, destaca no texto que a nova diretora do Parque da Fundação tem “um profundo conhecimento das áreas de atuação da Fundação de que será responsável e aporta, pela sua enorme experiencia nacional e internacional e pela sua visão inspiradora, um pragmatismo que reforçará a centralidade da importância estratégica do Parque no projeto de Serralves”.

Helena Freitas é doutorada em Ecologia pela Universidade de Coimbra, em colaboração com a Universidade de Bielefeld, na Alemanha, e tem um pós-doutoramento na Universidade de Stanford, nos EUA, tendo construído uma sólida carreira ligada à Academia, na investigação, docência e liderança de projetos, e à causa pública, onde exerceu funções parlamentares e governativas, tendo coordenado a Unidade de Missão para a Valorização do Interior.

 Atualmente é Professora Catedrática na área da Biodiversidade e Ecologia no Departamento de Ciências da Vida da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra, onde desempenhou as funções de Vice-Reitora, entre 2011 e 2015, com o pelouro das Relações Institucionais, Museus e Desporto, e é detentora da Cátedra Unesco em Biodiversidade e Conservação para o Desenvolvimento Sustentável, na mesma universidade.

 É ainda Coordenadora da unidade de investigação Centre for Functional Ecology – science for people and the planet, coordenadora científica do FitoLab – Laboratório de Fitossanidade do Instituto Pedro Nunes e integra o Conselho Científico do Departamento de Ciências da Vida da Universidade de Coimbra. Em Julho de 2019 foi selecionada para o Mission Board for Climate Change Adaptation, including Societal Transformation da Comissão Europeia, Programa Horizonte Europa, e em Agosto de 2019 foi nomeada Ponto Focal de Portugal para o IPBES – Intergovernmental Platform for Biodiversity and Ecosystem Services (ONU).

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.