Opinião: Qual deve ser a principal prioridade do executivo camarário?

Posted by

Nas últimas autárquicas foi eleito um novo presidente da Câmara, o Dr. Pedro Santana Lopes. O programa que o próprio e a sua equipa submeteram a sufrágio teve, na sua génese, o desígnio maior de pugnar pela boa governança de TODO o concelho. Ficou clara a necessidade de atrair e fixar população, o que só me parece possível reabilitando as zonas industriais e dinamizando o Porto Comercial, não podendo este continuar limitado por uma gestão que agrega um outro porto, por sinal concorrente do nosso. Tal gestão tem sido castradora para o sector.
É determinante o Ensino Superior e não basta ter vontade, é preciso criar condições para concluir em definitivo esse dossier e foi já dado um primeiro passo pelo então candidato, reunindo com o Reitor da Universidade de Coimbra.
Do muito que é preciso fazer, o sector da saúde deve ser encarado como uma prioridade absoluta. Urge tornar todos os serviços de saúde mais bem equipados, estruturalmente mais ágeis e com os recursos humanos condizentes. Bem sei que estes assuntos não são da competência da Autarquia, mas cabe-lhe pugnar pelo superior interesse dos Figueirenses, exercendo pressão junto do Governo para a resolução destes e de outros problemas que tolhem o crescimento do concelho. Resumindo, é preciso fazer o que já deveria ter sido feito quando a conjuntura era altamente favorável e a autarquia e governo eram da mesma “cor” política.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.