Presidente da Câmara de Coimbra fica com pelouros da cultura e investimento

Posted by

O presidente da Câmara de Coimbra, José Manuel Silva, vai assumir os pelouros de cultura, investimento e conselho estratégico para o desenvolvimento e relações externas, anunciou hoje o município.

José Manuel Silva vai ficar também com as áreas de administração geral, recursos humanos, comunicação, apoio jurídico, transparência, qualidade e auditoria interna e freguesias, referiu a autarquia em nota de imprensa enviada hoje à agência Lusa.

O presidente do município emitiu um despacho através do qual distribui competências pelos cinco vereadores eleitos pela coligação Juntos Somos Coimbra e pelo vereador eleito pela CDU, Francisco Queirós, que também tinha assumido pelouros no anterior executivo liderado pelo PS.

O vice-presidente da Câmara Municipal de Coimbra, Francisco Veiga, vai permanecer em regime de meio tempo, assumindo as áreas da saúde, turismo, modernização administrativa, património histórico e museus, ensino superior, estudos e projetos estratégicos, sistemas de informação, julgados de paz e centro de arbitragem de conflitos de consumo da região de Coimbra.

A número três da lista, a vereadora Ana Bastos, vai ficar responsável pelos pelouros do planeamento territorial, gestão urbanística e fiscalização, infraestruturas e espaços públicos, transportes e mobilidade e edifícios e equipamentos municipais.

Ana Bastos, que irá presidir aos Serviços Municipalizados de Transportes Urbanos de Coimbra (SMTUC), assume também as pastas da reabilitação urbana, cadastro municipal, solos e informação geográfica e obras por administração direta.

Carlos Lopes fica à frente das áreas do desporto, ambiente, clima, energia e sustentabilidade, juventude, proteção civil, polícia municipal, bombeiros, orçamento participativo e associativismo.

Já Ana Cortez Vaz assume as pastas da educação, ação social, proteção de crianças e jovens, desenvolvimento social, relação com o munícipe, habitação social e gestão do parque habitacional municipal (estas últimas duas que eram da competência do vereador da CDU no último mandato).

Miguel Fonseca fica com as áreas da economia, contabilidade e finanças, controlo e planeamento, património e aprovisionamento, contraordenações e execuções fiscais, comércio e indústria, mercados municipais e feiras e empreendedorismo, investimento e emprego.

O vereador eleito pela CDU, Francisco Queirós, tal como já tinha sido anunciado, fica responsável pelos pelouros dos espaços verdes e jardins, agricultura, alimentação e hortas comunitárias, serviço médico veterinário (pelouro que também assumiu no anterior mandato) e bibliotecas e arquivos.

José Manuel Silva foi eleito presidente nas autárquicas de 26 de setembro, com a vitória da coligação, que elegeu seis elementos para o executivo municipal.

O executivo conta ainda com quatro vereadores eleitos pelo PS e um pela CDU.

Apesar de a coligação Juntos Somos Coimbra ter maioria absoluta na Câmara Municipal, é o PS que lidera a Assembleia Municipal.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.