Opinião: Encerrar, não!!! Valorizar, sim!…

Posted by

Acreditamos, não temos mesmo quaisquer dúvidas, que todos os grupos políticos representados na Assembleia da República -AR- desejam, querem, a melhor resposta possível de SAÚDE, em COIMBRA, em PORTUGAL, em bom rigor, para Todos os PORTUGUESES.
Consideramos, também, que Todos temos consciência, que o processo de “Concentração” iniciado em 2011, não apenas no distrito de COIMBRA e nem só em PORTUGAL, de então para cá, nem sempre correu bem, antes pelo contrário…
De facto, não só se verificaram, incompreensíveis e muito dificilmente justificáveis, desmantelamentos e desvalorizações de algumas respostas, mas também, por isso mesmo, em determinados períodos, claros e visíveis quadros sociais de profunda insatisfação e instabilidade!…
Porém, importará igualmente reconhecer que, hoje por hoje, estão, foram afastados, os “fantasmas” dos, ainda que irracionais e socialmente injustos, eventuais encerramentos!!!
Hoje, de forma saudável e responsável, as questões em debate e resolução, prendem-se, têm fundamentalmente a ver, com a “estratégia operacional”.
Prova disso mesmo, bastará atentar no, recentemente divulgado, Plano Estratégico do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra -CHUC-.
Com efeito, numa assumida “lógica integrada” onde pontifica a complementaridade, constata-se uma clara aposta no reforço, melhoria e valorização das múltiplas respostas de Saúde existentes.
Não por acaso, o CHUC é a unidade hospitalar, em Portugal, com maior número de Centros de Referência, 18; e o 19.º, em processo de aprovação.
Ora, equacionar a reversão do processo de fusão dos 8 hospitais de Coimbra integrados no CHUC, acreditando que tal alteração ao modelo de gestão pudesse vir a funcionar como uma qualquer “varinha mágica”…
Sinceramente, a nosso ver, afigura-se-nos que tal seria uma opção sem qualquer racionalidade social e económica, que a tornasse, sequer, exequível!…
Com honestidade intelectual, tudo parece apontar que não resistiria ao confronto com uma panóplia de sólidos argumentos que, mesmo no plano Social, no mínimo, desaconselhariam a reversão da fusão em causa!…
Aliás, com base neste abrangente “entendimento político”, importará relevar que, na última reunião Plenária desta legislatura, na AR, foi aprovado, por unanimidade, o texto final com 2 recomendações ao Governo, apresentado pela Comissão de Saúde, relativo ao Projecto de Resolução n.º 1440/XIV/2.ª – Plano Estratégico para o Hospital Geral (COVÕES) do CHUC.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.