Executivo deixa obras adjudicadas de 45 milhões de euros

Posted by

“Foto: Pedro Agostinho Crzu”

O executivo camarário em funções deixa cerca de 90 empreitadas e prestação de serviços adjudicadas ou em processo avançado de adjudicação, no valor de 45 milhões de euros. Em declarações ao DIÁRIO AS BEIRAS, o presidente em exercício da Câmara da Figueira da Foz, Carlos Monteiro, cujo mandato termina este domingo, com a tomada de posse de Pedro Santana Lopes, colocou no topo da lista a substituição do sistema de iluminação pública, com tecnologia LED, que custa 7,4 milhões de euros.
Carlos Monteiro destacou, ainda, “pela sua importância estratégica para o concelho”, a expansão da Zona Industrial, por 5,3 milhões de euros. E, “em termos de coesão territorial”, indicou a ponte sobre o Rio Mondego entre Vila Verde e Alqueidão, cujo orçamento ronda os cinco milhões de euros. O presidente em exercício realçou, também, a requalificação da estrada do Cabo Mondego (Enforca Cães) e a reabilitação do Convento de Seiça, considerando que esta obra tem “um atraso de 20 anos”, tendo um orçamento de 2,8 milhões de euros.

A ciclovia europeia Eurovelo, adjudicada pela Comunidade Intermunicipal da Região de Coimbra, com a maior parte do percurso a atravessar o concelho figueirense, encerra a lista das obras que Carlos Monteiro destacou. Por outro lado, no capítulo da prestação de serviços, está a aquisição de uma embarcação elétrica, que custa 572 mil euros, para transporte de passageiros entre as duas margens da foz do Mondego. Este investimento ainda não tem garantido apoio financeiro comunitário. Entretanto, estão em curso obras como a requalificação do Cabedelo e do Jardim Municipal ou a construção do Centro Escolar do Bom Sucesso.

Carlos Monteiro, referindo-se às cerca de 90 empreitadas, defendeu que o próximo executivo camarário “vai ter a vida facilitada, na perspetiva de, durante um ano e meio ou dois anos, ter um conjunto de obras de grande importância e relevância para o concelho”. Não obstante, ressalvou que “é evidente que precisa de continuar a preparar os tempos que se seguem”.

Notícia completa nas edições impressa e digital do DIÁRIO AS BEIRAS

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.