Castelo Branco, Guarda e Tomar criam rede politécnica unida pela A23

Posted by

FOTO DR

Os Institutos Politécnicos de Castelo Branco, Guarda e Tomar vão criar uma rede politécnica unida pela autoestrada A23 e focada na proteção de pessoas e bens e nas competências digitais.

Em comunicado, a Câmara de Proença-a-Nova refere que a assinatura do protocolo para a criação de um consórcio entre as três instituições públicas de ensino politécnico decorreu no Centro Ciência Viva da Floresta, naquele concelho.

Este projeto surge no âmbito do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) e está focado “na proteção de pessoas e bens, mas também nas competências digitais”.

O processo de candidatura obrigava à constituição de um consórcio, nos casos em que as instituições de ensino superior tivessem menos de cinco mil estudantes, o que se verifica em cada uma das três instituições.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.