“Roda da Sorte” para encontrar futuro dos universitários

Foto Pedro Ramos

A roda da sorte da Associação Académica de Coimbra (AAC) foi ontem inaugurada como marco do último dia do ano letivo. A iniciativa surge em tom de crítica e de apelo ao Governo pelo estado do ensino superior. Ao DIÁRIO AS BEIRAS, o presidente da Direção-Geral (DG) da AAC, João Assunção, refere que as opções são os problemas que os estudantes universitários enfrentam e podem vir a enfrentar.
Posto isto, o dirigente apela aos agentes políticos para que no próximo ano letivo “tomem as medidas extraordinárias necessárias, que devido à pandemia não se concretizaram”.
Na cerimónia de inauguração, marcou presença Pedro Marques Dias, vice-presidente da DG/AAC. À pergunta “Qual será o meu futuro precário?”, os estudantes universitários podem ter, na sorte, o “desemprego”, “licenciado covid”, “entrar em burnout”, “abandonar a universidade”, “sem dinheiro para pagar a propina” e ainda a opção “sem dinheiro para pagar o quarto”.

| Leia a notícia completa na edição de hoje do DIÁRIO AS BEIRAS

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.