Município de Arganil quer alargar a rede de praias fluviais no concelho

DR-Hastear das bandeiras na praia fluvial de Secarias

Para além da “forte aposta” que tem vindo a fazer, no sentido de melhorar as infraestruturas nas praias fluviais já existentes, a Câmara de Arganil pretende alargar a rede de praias fluviais no concelho, criando condições para que outras zonas balneares possam vir a ter essa designação.
Aquando a cerimónia do hastear das bandeiras nas praias fluviais do concelho, Luís Paulo Costa, considerando que “o Sarzedo reúne todas as características para poder ter também essa classificação”, revelou que “isso vai ser determinado daqui a alguns tempos, com o cumprimento de um plano de análise da qualidade da água”. O autarca referiu que o Casal Novo tem também “um potencial muito grande”, e aproveitou para dar a conhecer ainda que “Foz D’Égua, não sendo praia fluvial, tem uma frequência muito grande e, por isso, está a ser concluído um projeto de intervenção, para dotar o espaço de condições”.
Lembrou ainda que que “uma praia fluvial, para poder ter essa designação, carece de um conjunto de infraestruturas, serviços, casas de banho, serviços essenciais, e também de vigilância, durante a época balnear”.
Congratulando-se também por, à semelhança do ano passado, todas as praias fluviais do concelho terem recebido, pelo menos, uma bandeira, nesta época balnear, o autarca realçou que a praia da Cascalheira, em Secarias, “é a praia que tem mais galardões”, tendo hasteado as três bandeiras, nomeadamente a “Bandeira Azul”, de “Qualidade de Ouro” e de “Praia Acessível”. Informando que “a praia fluvial de Coja tem também a “Bandeira Azul” e de “Praia Acessível”, a do Piódão a “Bandeira Azul”, e a de Pomares e da Benfeita a de “Praia Acessível”, Luís Paulo Costa ressalvou que a praia fluvial de Coja dispõe, este ano, pela primeira vez, de uma cadeira anfíbia, que vai permitir aos cidadãos com mobilidade reduzida aceder à água.

Pode ler a notícia completa na edição impressa e digital do DIÁRIO AS BEIRAS

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.