Ex-ministro defende “Plano Marshall” para recuperar atividade assistencial

Adalberto Campos Fernandes defendeu ontem a criação de um “Plano Marshall” para que seja possível recuperar a atividade assistencial que foi suspensa devido à situação pandémica.
Ontem, ao intervir numa conferência promovida pelo Instituto Politécnico de Coimbra (IPC), o ex-ministro da Saúde disse não ter dúvidas que “todos, a começar pelas autoridades políticas até aos colegas que estão no terreno, entenderiam que é justo que até ao final deste ano, seja criado uma espécie Plano Marshall para que as cirurgias e as consultas que estão por fazer sejam recuperadas de uma forma intensiva”.
O ex-governante falava depois do presidente da Associação Portuguesa de Hospitalização Privada ter alertado para o impacto que a pandemia teve nos doentes não covid.

Notícia completa na edição impressa e digital do DIÁRIO AS BEIRAS

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.