Videovigilância no centro histórico de Coimbra em testes finais

Posted by

FOTO DR

O novo sistema de videovigilância do centro histórico de Coimbra já está na fase de testes finais, anunciou hoje o município, que destacou o trabalho que tem sido realizado pela PSP.

“Este é o culminar de um trabalho de vários anos da autarquia para reforçar a segurança na cidade, em coordenação e estreita colaboração com a PSP, a Comissão Nacional de Proteção de Dados e o ministério da Administração Interna. Está na reta final de testes o novo sistema de videovigilância da cidade de Coimbra, cuja coordenação, recolha dos dados e ativação dos dispositivos (incluindo a reserva dos dados e o acesso) será feita, exclusivamente, pelo comandante distrital da PSP de Coimbra”, refere a Câmara.

O município recorda que “já instalou o sistema e adquiriu os serviços de comunicações para interligação das câmaras de vigilância com o posto de comando da PSP, estando agora a ser afinados os procedimentos, designadamente a verificação da qualidade da imagem captada e o reforço da sinalética na via pública, de acordo com a legislação em vigor”.

“Já em outubro [de 2020], o presidente da autarquia, Manuel Machado, salientou que os serviços municipais ou terceiros não vão ter intrusão no sistema, que será gerido unicamente pela PSP de Coimbra”.

Machado salientou então “que o parecer positivo da Comissão Nacional de Proteção de Dados foi precisamente o mais difícil de conseguir”.

O Município de Coimbra anda “há anos a trabalhar com a PSP, que tem feito um trabalho notável nesse domínio, para a reinstalação dos sistemas de videovigilância nos sítios adequados face às necessidades da cidade”, refere ainda Manuel Machado, citado numa nota de imprensa.

“O nosso trabalho é de cooperação com o ministério da Administração Interna e com as forças de segurança para tranquilizar as pessoas, mas com garantia de que não haverá nenhuma deriva”, sublinhou Manuel Machado, na mesma nota.

One Comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.