Mais de 13 milhões em projetos de mobilidade na região de Coimbra

DR

A Comunidade Intermunicipal (CIM) da Região de Coimbra apresentou quatro candidaturas ao Programa Operacional Regional Centro 2020 no valor total de cerca 13,6 milhões de euros, que corresponde um cofinanciamento comunitário FEDER de cerca de 11,5 milhões de euros.
Os investimentos previstos nestas candidaturas visam concretizar o Plano de Ação de Mobilidade Urbana Sustentável (PAMUS) da CIM Região de Coimbra, que promove a implementação de uma estratégia de mobilidade com foco na redução de emissões de gases com efeito de estufa.
“Os projetos apresentados pretendem estruturar e promover a mobilidade na região por modos suaves”, através da criação da Rede Estruturante de Vias Cicláveis da Região de Coimbra.

Interligar zonas urbanas
O objetivo desta rede é fazer a interligação das zonas urbanas da comunidade intermunicipal e com os investimentos municipais que estão a ser concretizados pelos municípios abrangidos, contribuindo para uma mobilidade mais sustentável de baixo teor de carbono.
As vias cicláveis pretendem também reforçar a intermodalidade, atratividade e sustentabilidade do sistema de transportes públicos, contribuindo para a substituição do transporte individual pelo transporte coletivo.

Pode ler a notícia completa na edição digital e impressa do DIÁRIO AS BEIRAS

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.