Na CIM Região de Coimbra, o estado é mesmo de grande emergência

Posted by

Bastaram três dias, apenas, para que o cenário no território da Comunidadade Intermunicipal (CIM) Região de Coimbra piorasse na grande maioria dos concelhos. A única exceção é Pampilhosa da Serra que, em comparação com o relatório divulgado na passada segunda-feira pela Direção-Geral da Saúde (DGS), mantém o mesmo índice de contágio – Moderado.
Em consequência dessa situação, a única restrição anunciada ontem pelo primeiro-ministro António Costa que se aplicaria a este município seria o da proibição de circulação entre concelhos, mas mais tarde em comunicado é dito que a restrição se aplica“a todo o território nacional entre as 23H00 do dia 08 de janeiro e as 05H00 do dia 11 de janeiro de 2021, salvo por motivos de saúde, de urgência imperiosa ou outros especificamente previstos” .
Basta olhar para o mapa que aqui publicamos para perceber que essa situação de nada lhe valia ao início da tarde, pois os dois concelhos vizinhos – Góis e Arganil – estão no índice de risco muito elevado. Ou seja, dois municípios em que é proibido circular na via pública a partir das 13H00. Curioso é o facto do concelho de Góis ser um dos dois com risco moderado na lista divulgada pela DGS no início da semana.

Mais restrições a serem pensadas
Refira-se que o agravamento da situação levou ontem o Governo a aplicar medidas mais restritivas para o próximo fim de semana. Na conferência de imprensa, António Costa explicou que há a necessidade de “aguardar pelo início da próxima semana, para poder dispor de dados mais sólidos, tendo em conta que o período de Natal, seja porque houve mais circulação, seja porque houve naturalmente um menor número de testes realizados, dava indicações bastante díspares de qual a evolução da situação”.

Pode ler a notícia completa na edição impressa e digital do DIÁRIO AS BEIRAS

2 Comments

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.