Município de Góis vai contar com quase 10 milhões de euros em 2021

O orçamento foi aprovado por maioria do executivo liderado por Lurdes Castanheira

Já foi aprovada por maioria do executivo camarário a proposta de orçamento para 2021 de quase 10 milhões de euros.
A autarca começou por anunciar que a deslocalização dos serviços externos e a ocupação integral do parque municipal será uma das ações a concretizar no próximo ano. “Reinstalar toda a equipa da proteção civil e dar-lhes um espaço próprio” é também intenção do executivo liderado por Lurdes Castanheira.
A pavimentação de vias no concelho que estão degradadas vai igualmente ser prioridade em 2021. A este propósito, referiu que está “a decorrer o processo do empréstimo no valor de 400 mil euros que é para a rede viária e arruamentos nas diferentes freguesias”, em particular para Góis e Alvares”.
Uma obra também a concretizar em 2021 é a requalificação da Casa Museu Alice Sande, com o apoio do Programa Valorizar. A presidente referiu que, apesar de ter havido um problema na orçamentação do projeto, “queremos, pelo menos, executar a parte que está financiada”.
No setor da educação, pretende-se requalificar “todo” o complexo escolar na freguesia de Vila Nova do Ceira, incluindo “a construção de raiz de um jardim-de-infância, a requalificação do imóvel onde funciona atualmente a escola básica e também a requalificação do pavilhão gimnodesportivo”. A autarca realçou que, ainda no âmbito deste setor, “também temos prevista uma intervenção na escola sede do agrupamento, com a ampliação de um edifício para construção de duas salas, uma nova sala para os alunos e também um outro espaço a pedido da direção do Agrupamento”.

Notícia completa na edição impressa de hoje

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.