Baixa de Coimbra quer lojas abertas para dinamizar comércio no Natal

Posted by

Foto DB-Carlos Jorge Monteiro

A Agência para a Promoção da Baixa de Coimbra (APBC) apelou hoje aos lojistas desta zona da cidade para enfrentarem as dificuldades com perseverança e manterem as empresas em funcionamento no Natal e ao longo do ano.

Em declarações à agência Lusa, a presidente da APBC, Assunção Ataíde, exortou os associados a empenharem-se com “alguma perseverança” na revitalização do comércio do centro histórico de Coimbra, o que, na sua opinião, passa por “terem as lojas abertas”.

“Temos de ser coesos”, disse a empresária, que apresentou hoje, no histórico Café Santa Cruz, na praça 8 de Maio, os programas culturais e de divulgação “concebidos para a dinamização” do comércio local durante a quadra natalícia.

Desde a semana passada, as montras de nove lojas da Baixa estão decoradas por obras de outros tantos artistas, no âmbito de uma parceria com a associação cultural Casa da Esquina, que fez a proposta, intitulada “Marquise Rua”.

“Trata-se de uma galeria de arte a céu aberto que pode ser visitada até 16 de janeiro”, explicou Assunção Ataíde.

Segundo a presidente da direção da APBC, “esta é a primeira de muitas iniciativas com património, cultura e artes associados”, a realizar no futuro.

Com o mesmo objetivo de dinamizar o comércio na quadra natalícia, a associação tem vindo a produzir e a divulgar vídeos protagonizados por artistas e outras figuras públicas, que apelam às pessoas para visitarem e fazerem compras na zona histórica de Coimbra, que abrange a área Universidade de Coimbra, Alta e Sofia, classificada pela UNESCO como Património da Humanidade.

Noutra série de quatro pequenos filmes, a Agência de Promoção da Baixa de Coimbra presta homenagem aos associados, com um convidado em cada vídeo a recomendar a aquisição dos bens e serviços disponíveis nas lojas.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.