Figueira da Foz: Autarquia analisa formas de “aproximar” a cidade do mar

Posted by

FOTO ARQUIVO DB/JOT’ALVES

O presidente da Câmara da Figueira da Foz, Carlos Monteiro, adiantou, ontem, que a autarquia está a analisar formas de atenuar a distância entre a cidade e o mar, cada vez mais separados pelo incessante crescimento do areal urbano, provocado pelo prolongamento do molhe norte. O autarca revelou que está em contactos com empresas que têm tuk-tuk elétricos para andar na areia e outras que fabricam teleféricos.
Por outro lado, avançou ainda, um especialista ofereceu ao município o pré-estudo para a criação de uma lagoa natural de água salgada no areal urbano. Carlos Monteiro considerou aquelas possibilidades “interessantes”. Todavia, ressalvou que a opção que vier a ser tomada pelo município terá de esperar pelo resultado do estudo do sistema de transposição de areias, do areal urbano para as praias a sul da barra, o chamado bypass.

Notícia completa nas edições impressa e digital do DIÁRIO AS BEIRAS

2 Comments

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.