Trabalhadores da Sonae protestam no sábado em Lisboa, Porto e Coimbra

Posted by

Os trabalhadores das lojas Continente de Telheiras (Lisboa), Valongo (Porto) e Vale das Flores (Coimbra) manifestam-se no sábado contra o banco de horas, pelo aumento salarial e a negociação do contrato coletivo de trabalho, anunciou hoje o sindicato.

Em comunicado, o Sindicato dos Trabalhadores do Comércio, Escritórios e Serviços de Portugal (CESP) acusa a Sonae de ter criado “um projeto de regime de banco de horas grupal que, a ser aprovado, não só atenta contra o direito a ter vida pessoal e familiar, como obriga o trabalhador a ter de justificar todo e qualquer motivo que impossibilite realizar horas em acréscimo”.

A concretizar-se, a medida deixa na “mão das chefias o poder de decidir a qualquer momento se o trabalhador é ou não obrigado a ficar após a sua jornada de trabalho”, avisa o sindicato, alertando, para a possibilidade de existirem “situações de desigualdade e discriminação”.

Notícia completa na edição impressa de amanhã

One Comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.