Covid-19: Portugal regista evolução positiva quanto a casos em lares – ministra

Posted by

Arquivo-Paulo Novais/Lusa

A ministra da Saúde disse hoje que Portugal tem registado uma evolução positiva relativamente a casos de covid-19 em Estruturas Residenciais para Idosos (ERPI) e que estes espaços têm sido uma das maiores preocupações em vários países.

Em conferência de imprensa, Marta Temido adiantou que em abril existiam casos de covid-19 em 360 ERPI, enquanto atualmente os dados apontam para a sua existência em 69 estruturas.

Portugal tem, segundo a ministra, um total de 2.526 lares para idosos nos quais estão institucionalizadas 99.234 pessoas e onde trabalham 60 mil profissionais.

“As estruturas residenciais para idosos são em Portugal uma das maiores preocupações face a sua vulnerabilidade especial. Desde o primeiro momento estabelecemos um conjunto de regras de articulação de diversos atores porque se tratam de estruturas com tutela própria e com enquadramento privado ou social”, disse.

Portugal regista hoje mais três mortes por covid-19 e 278 novos casos de infeção em relação a terça-feira, segundo o boletim diário da Direção-Geral da Saúde (DGS).

Duas das mortes ocorridas nas últimas 24 horas ocorreram na região Norte e uma na região de Lisboa e Vale do Tejo. As três vítimas são mulheres e tinham mais de 80 anos.

Atualmente existem 12.519 casos ativos de covid-19 e 161 surtos, dos quais 42 na região norte, 8 na região do centro, 82 em Lisboa e Vale do Tejo, 13 na região do Alentejo e 16 na região do Algarve.

O número de pessoas internadas é de 367, mais duas do que na véspera, e nos cuidados intensivos estão 40 pessoas, mais cinco.

De acordo com o boletim da DGS sobre a situação epidemiológica, desde o início da pandemia até hoje registaram-se 53.223 casos de infeção confirmados e 1.764 mortes.

A região de Lisboa e Vale do Tejo totaliza hoje 27.441 casos de covid-19, mais 160 do que no dia anterior, o que representa 57,5% dos casos.

O número de doentes dados como recuperados de covid-19 voltou a aumentar nas últimas 24 horas para 38.940, mais 180 do que na terça-feira.

Quanto aos casos confirmados, a região Norte tem 19.217, mais 89 casos, a região Centro tem 4.538, mais 12 do que na véspera, o Algarve contabiliza 938 casos, mais quatro, e o Alentejo tem 780, mais 10 casos.

A região Norte continua a registar o maior número de mortes (836), seguida da região de Lisboa e Vale do Tejo (621), o Centro (253), Alentejo (22), Algarve (17) e Açores (15).

A maior parte dos casos de infeção são mulheres (29.406) e em termos gerais há mais infetados na faixa etária entre 40 e 49 anos (8.785), seguindo-se a faixa entre 30 e 39 anos, que contabiliza hoje 8.710 casos.

A faixa etária entre os 20 e os 29 anos totaliza em Portugal desde o início da pandemia 8.188 casos, enquanto na faixa dos 50 aos 59 anos, os casos de infeção pelo vírus SARS-CoV-2 situa-se nos 8.004.

Com mais de 80 anos, tiveram infeções confirmadas 6.006 pessoas, enquanto 5.318 pessoas entre os 60 e os 69 anos adoeceram.

A covid-19 já afetou em Portugal 1.955 crianças até aos 9 anos e 2.492 entre os 10 e os 19 anos.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 743 mil mortos e infetou mais de 20,3 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.