Secção Regional da Ordem dos Médicos alerta para doentes que estão a deixar de procurar cuidados de saúde

Carlos Cortes, presidente da Secção Regional do Centro da Ordem dos Médicos (SRCOM), defendeu ontem que, neste momento, é mais perigoso para os doentes ficarem em casa e não procurarem os cuidados de saúde de que necessitam.
As declarações foram feitas no final de uma visita desta organização à unidade de Coimbra da Sanfil, no âmbito da retoma após o confinamento ditado por causa da covid-19.
“Quem sofre de patologias que necessitam de ser tratadas, que necessitam de ser acompanhadas, para essas pessoas hoje é mais perigoso estar em sua casa do que virem aos hospitais, sobretudo a unidades de saúde como esta, onde encontramos tudo aquilo que é importante fazer em termos de separação dos circuitos, em termos de higienização”, sublinhou o dirigente.
Celso Cruzeiro, diretor clínico desta unidade, saudou a iniciativa da SRCOM nas visitas a unidades de saúde da região, dado que “podem, de alguma maneira, tranquilizar a população e fazer com que voltem a procurar os cuidados de saúde”, acredita.

 

Toda a informação na edição impressa e digital do DIÁRIO AS BEIRAS de hoje, 10 de julho

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.