Final da Taça de Portugal em Coimbra “será um marco histórico”

FOTO DR

É a primeira vez que uma final da Taça de Portugal se realiza em Coimbra. Mas é ainda a primeira vez que se realiza fora de Lisboa e Porto. “Será um marco histórico. Sempre que falarmos da Taça de Portugal teremos de reconhecer que a de 2020 teve lugar em Coimbra”, destaca Horácio Antunes, presidente da Associação de Futebol de Coimbra (AFC).

O dirigente recorda que “desde o primeiro momento” em que soube que a final não se poderia jogar no Jamor “por imposição da Direção-Geral da Saúde (DGS)”, a AFC “apresentou à Federação Portuguesa de Futebol (FPF) a pretensão de poder candidatar o Estádio Cidade de Coimbra”, com várias razões de suporte: “aludíamos à ideia de que a cidade estaria mais equidistante da cidade do Porto e de Lisboa e, portanto, era o ponto ideal”; mas também “acrescia que, pelos êxitos da Académica na Taça de Portugal e pela mais-valia que esta Académica representava para a Taça de Portugal, merecia a pequena mas justa homenagem de que a sua casa pudesse ser o palco deste jogo tão importante”. “Felizmente, a resposta foi positiva”, acrescenta o dirigente.

Versão completa na edição digital e impressa do DIÁRIO AS BEIRAS

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.