Judo: Atletas das seleções nacionais autorizados a treinar

Posted by

DR

O judo iniciou a segunda fase para a retoma das suas atividades. Desde segunda-feira que os atletas que representaram a Seleção Nacional em provas internacionais ou em estágios nacionais /internacionais foram
autorizados a retomar os treinos.

“A primeira fase, que era destinada aos atletas de alto rendimento, já passou. Agora, para além desses, os atletas das seleções podem também retomar a atividade”, contou ao DIÁRIO AS BEIRAS o presidente da Federação Portuguesa de Judo (FPJ), Jorge Fernandes.

A medida permite a vários clubes voltar aos treinos presenciais. “No Alto Rendimento eram entre 30 a 40 judocas, agora são cerca de 80. Os clubes podem abrir, porque, em média, têm três, quatro atletas na seleções, uma vez que a medida abrange as várias seleções” confidenciou.

Medidas de segurança
O regresso aos treinos tem de respeitar várias medidas de segurança e continua a não ser permitido combater no chão. “Podem fazer treino de técnico e uchi komi, isto é, treino de repetição. Já podem fazer pegas, desde que cumpram as regras de segurança. Têm de treinar de máscara e fazer sempre a desinfeção das mãos. Não há acesso aos balneários, os atletas vão equipados e, no final do treino, a sala é desinfetada. No dia a seguir, esse
espaço é limpo”, frisou.

Há ainda mais normas que devem ser seguidas. “As salas não devem formar grupos com mais de dez pessoas e, à porta, não pode estar ninguém. Só entra quem está a treinar e ninguém pode assistir”, garantiu Jorge
Fernandes.

Clubes de Coimbra
A medida permite a vários clubes do distrito retomar as suas sessões de trabalho com os judocas das seleções.

“São abrangidos quase todos os clubes nacionais. No distrito de Coimbra,o ACM Coimbra, a Académica, a Escola de Judo de Coimbra, o Judo Clube de Coimbra, o Judo Clube do Mondego e o Montanha Clube já podem funcionar, é um leque bem alargado”, disse o presidente da FPJ.

Pode ler a notícia completa na edição digital e impressa do Diário As Beiras 

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.