Cadima quer crescer no Campeonato Nacional Feminino de futebol

Posted by

O Cadima vai voltar a competir, na época 2020/2021, na principal prova do futebol feminino português, o Campeonato Nacional de Futebol Feminino (Liga BPI).
A 8 de abril, a direção da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), “entendeu dar por concluídas, sem vencedores, todas as suas competições seniores que se encontram nesta data [8 de abril] suspensas, não sendo atribuídos títulos nem aplicado o regime de subidas e descidas”. A decisão da entidade que gere o futebol e o futsal em Portugal acaba por “dar” nova oportunidade ao Cadima para brilhar no primeiro escalão do futebol feminino.
O conjunto do município de Cantanhede, que em 2019/2020 seguia no 15.º e penúltimo lugar da prova (três pontos em 15 jornadas), lutava para evitar a descida à 2.ª Divisão e, após a decisão da FPF, já sabe que, em 2020/2021, vai voltar a jogar, pela segunda época consecutiva, frente às principais equipas do futebol feminino luso.

Saúde em primeiro lugar
Ao DIÁRIO AS BEIRAS, o presidente do Cadima, Valter Santos, enalteceu que a decisão da FPF teve como principal objetivo proteger a saúde das atletas. “A decisão, tendo em conta o momento que vivemos, colocou em primeiro lugar a saúde das atletas. Ficou decidida a permanência das seniores na 1.ª Divisão”, disse.

Juniores mostravam
atributos no nacional
Enquanto a equipa sénior do Cadima lutava para não descer, a formação de sub-19 estava próxima do apuramento para a 2.ª fase do Campeonato Nacional Feminino de sub-19.
“Tínhamos as sub-19 em boas condições para conseguir o apuramento para a 2.ª fase do nacional de juniores. Esta foi uma decisão que teve de ser tomada e não se trata de beneficiar ninguém, é, antes de mais, preservar a saúde”, frisou o dirigente.

Crescer no principal
escalão em 2020/2021
O objetivo passa por crescer entre as principais equipas do futebol feminino português. “Temos uma equipa muito jovem, em que mais de metade do plantel ainda é júnior. Com mais um ano, tenho a certeza que será uma época com resultados mais positivos”, realçou Valter Santos.
“A aposta na formação é para continuar. Já vem de há duas épocas e esta direção quer continuar a potenciar o Cadima”, garantiu o dirigente.

Notícia completa na edição impressa de hoje

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.