“Só tiram carris quando cá estiverem os autocarros”

Posted by

FOTO DB – PEDRO RAMOS

Presidente Manuel Machado anunciou ontem na Assembleia Municipal que só vai aprovar a retirada dos carris entre Coimbra A e Coimbra B quando estiverem na cidade os autocarros do Metro Bus

O autarca conimbricense deixou ontem a garantia de que só vai aprovar a retirada dos carris ferroviários entre as estações de Coimbra A e Coimbra B quando os veículos elétricos do Metro Bus estiverem na cidade. Ao intervir na reunião ordinária da Assembleia Municipal de Coimbra, que decorreu no Salão Nobre da Câmara Municipal, o presidente recordou que não quer que aconteça em Coimbra o que já foi feito, há uma década atrás, na Linha da Lousã.

Para além dos autocarros, Manuel Machado entende que é essencial a renovação do atual “Apeadeiro Velho” (Coimbra B), de forma a que seja uma “verdadeira” plataforma de transporte e de partida e chegada de passageiros. O tema foi suscitado por alguns deputados. Por exemplo, Graça Simões, dos Cidadãos por Coimbra, reconheceu que o projeto continua envolto “em contradições e mistérios que minam a sua credibilidade”. “Para já, semeia descrença, desativa energias transformadoras, que se movem para outras paragens”, afirmou. O autarca socialista desvalorizou as críticas, realçando a importância da realização da obra, por parte da Metro Mondego, para a conclusão da Via Central. “Ao fim de tantos anos, trata-se da primeira empreitada que a empresa empreende no concelho”, frisou.

O presidente da câmara aproveitou a intervenção para pedir ao Governo a conclusão das obras de requalificação do IP3. ”Tal como está, não existem condições de circulação”, frisou, ao mesmo tempo que achou “inaceitável” o facto desta obra estar a servir de base para a litigância existente atualmente no concurso relativo à 1.ª fase de implementação do Sistema de Mobilidade do Mondego (SMM) – traçado Serpins/Alto de São João.

 

Notícia completa na edição impressa

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.