Óbito/João Ataíde: Presidente da Associação de Municípios lamenta perda de “distinto servidor da causa pública”

Posted by

DB-Pedro Ramos

O presidente da Associação de Municípios, Manuel Machado, afirmou-se hoje chocado com a morte do deputado do PS e ex-secretário de Estado do Ambiente João Ataíde, “um distinto servidor da causa pública”.

João Ataíde das Neves foi, “ao longo dos tempos, um distinto servidor da causa pública, como profissional, enquanto juiz, e como presidente da Câmara da Figueira da Foz e da Comunidade Intermunicipal (CIM) Região de Coimbra, como secretário de Estado e como deputado”, disse hoje à agência Lusa Manuel Machado.

O presidente da Associação Nacional de Municípios Portugueses (ANMP) e da Câmara Municipal de Coimbra destaca ainda “o modo como [João Ataíde] se dedicou às causas de Coimbra e da região”.

A construção da ciclovia do Mondego, ligando Coimbra a Montemor-o-Velho e à Figueira da Foz, projeto pelo qual João Ataíde tanto se bateu, “é uma das boas formas de se lhe prestar homenagem”, sustentou Manuel Machado.

Mas a morte do deputado, antigo governante e ex-autarca representou, para Manuel Machado, “antes de mais, a perda de um amigo”, sublinha o presidente da ANMP e da Câmara de Coimbra, que não esquece “a forma amável e atenciosa” como João Ataíde “defendia e pugnava pela tolerância”.

João Ataíde morreu hoje, aos 61 anos, de doença súbita, disse à agência Lusa o presidente da Câmara da Figueira da Foz, Carlos Monteiro, que não adiantou pormenores sobre a morte do seu antecessor no cargo, apenas referindo que se deveu a doença súbita.

João Ataíde morreu durante a madrugada em Coimbra, onde estava após ter regressado de Lisboa na quinta-feira.

Antigo presidente da Câmara da Figueira da Foz, cargo que ocupou durante uma década, João Ataíde renunciou ao mandato em abril de 2019, para integrar o Governo como secretário de Estado do Ambiente.

Nas últimas eleições, foi eleito deputado, nas listas do PS, pelo círculo de Coimbra.

O corpo de João Ataíde fica em câmara-ardente na capela da Universidade de Coimbra a partir das 18:00 de hoje, saindo o funeral às 12:00 de sábado, para o crematório da Figueira da Foz.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.