Museu do Vinho Bairrada assinala 40 anos de Região Demarcada com três exposições

Posted by

FOTO DR

O Museu do Vinho Bairrada, em Anadia, associou-se às comemorações do 40.º aniversário da criação da Região Demarcada da Bairrada inaugurando três exposições sob o mote “40 anos da demarcação Bairrada”, foi hoje anunciado.

A primeira das exposições, intitulada “Bairrada Wines Vintage Marketing”, é dedicada à publicidade nos vinhos em diversos tipos e conceitos de suportes publicitários.

“Desde recortes de jornais, a revistas nacionais e internacionais, marcas de vinhos Bairrada, cinzeiros e saca-rolhas, entre outros materiais, num acervo que vai dos finais do século XIX e que culmina na campanha mais recente de promoção do território Bairrada”, refere Pedro Dias, diretor do Museu.

A segunda exposição, “40.1 – Bairrada – Retratos Falados”, é uma instalação audiovisual, com 40 testemunhos em viva voz e que pretende “criar e consciencializar para o conhecimento” e importância do património vivo.

“Acima de tudo, tem como propósito documentar fragmentos de memória do povo bairradino, através de um conjunto de opiniões e de testemunhos das mais diversas pessoas e entidades ligadas ao setor dos vinhos da Bairrada”, explica o Museu, em nota divulgada hoje.

Esta exposição envolve o município de Anadia, o CineClub Bairrada, a Comissão Vitivinícola da Bairrada, a Confraria dos Enófilos da Bairrada e a Associação Rota da Bairrada.

Por fim, a exposição “Bairrada CelebrArte40” é constituída por um conjunto de obras conceptual e emocionalmente ligadas à Bairrada, da autoria da artista plástica Salomé Pinho.

“Um tributo e homenagem ao produto ex-libris da região, o espumante”, refere Pedro Dias.

O núcleo expositivo conta ainda com duas peças da autoria do escultor Pedro Figueiredo: o “Nascimento do Espumante” e a “Rainha do Espumante”, um tributo ao espumante Bairrada, concebidas durante o Portugal Wine Trophy 2019 e num ‘workshop’ de escultura para a comunidade escolar que decorreu na Escola Básica e Secundária de Anadia, promovido em colaboração com o Museu do Vinho.

As exposições poderão ser visitadas até ao dia 30 de abril, de terça-feira a domingo, dentro do horário normal de funcionamento daquele espaço museológico.

Inaugurado em 27 de setembro de 2003, sob a tutela da Câmara Municipal de Anadia, o Museu do Vinho Bairrada (MVB) está instalado num edifício construído de raiz para o efeito, recebendo por mês mais de dois mil visitantes.

O museu oferece uma exposição permanente designada Percursos do Vinho, patente no piso zero do museu e exposta ao longo de seis salas temáticas, com peças de valor arqueológico, etnográfico e técnico, reunidas com a colaboração de diversos vitivinicultores, entidades locais e nacionais.

Contempla ainda uma programação de exposições temporárias, com atividades pedagógicas, animação do livro, debates sobre temáticas ligadas ao vinho, vinha, mundo rural, arte rural e documentalismo.

A Região Demarcada da Bairrada, que celebra este ano 40 anos de atividade, produziu em 2019 mais de 21 milhões de litros de vinhos, espumantes e tranquilos, segundo números avançados pela Comissão Vitivinícola da Bairrada (CVB).

A Bairrada tem atualmente cerca de 2.400 produtores de vinhos tintos, brancos e rosados, que exploram 6.400 hectares de vinha.

Pedro Soares, presidente da CVB, garante que o número de pessoas ligadas à cultura do vinho e da vinha na região é “substancialmente” maior, dando como exemplo a Cooperativa de Cantanhede, que tem à volta de mil associados.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.