Exposição assinala bicentenário de cofundadora da enfermagem moderna

Escola Superior de Enfermagem de Coimbra

A exposição “Bicentenário do Nascimento da Dama da Lâmpada – De Nightingale aos dias de hoje” está patente na Escola Superior de Enfermagem de Coimbra (ESEnfC), no Polo A, na Avenida Bissaya Barreto, em Celas (Coimbra).

Patente até final de março, a mostra sobre a vida e obra de “uma das fundadoras da enfermagem moderna, pioneira no tratamento de feridos na Guerra da Crimeia (1854-1856)”, insere-se no programa comemorativo do Ano Internacional do Enfermeiro e da Parteira, que se assinala em 2020.

Inglesa nascida em Florença (Itália), Florence Nightingale (1820-1910) “estudou matemática, filosofia e línguas estrangeiras, tendo descoberto a vocação para a enfermagem numa viagem ao Egito, onde visitou diversos hospitais”, refere uma nota da ESEnfC enviada à agência Lusa, recordando, designadamente, que “a ela se deve a criação da primeira escola de enfermagem estatal em Inglaterra”, em 1860.

As comemorações do Ano Internacional do Enfermeiro, promovidas pela ESEnfC, em parceria com a Câmara Municipal, o Centro Hospitalar e Universitário e o Instituto Português de Oncologia de Coimbra e a Administração Regional de Saúde do Centro, “compreendem um total de 29 iniciativas”, entre as quais os congresso internacionais de Enfermagem do Trabalho (20 de março) e de Enfermagem de Reabilitação (25 a 27 de março).

Notícia para ler na edição em papel de amanhã, 11 de fevereiro, do Diário As Beiras

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.