É preciso dar mais sangue

Posted by

FOTO DR

Qual a situação actual das reservas de sangue, a nível nacional e, em particular, ao nível da região de Coimbra e do Centro?

As reservas de sangue a nível nacional não estão “muito confortáveis” daí a nossa preocupação em tentar divulgar na comunicação social que é necessário que os dadores regulares e sobretudo os jovens venham dar sangue.
A região centro, como tem os CHUC, que também efetua muitas colheitas de sangue e também tem menos população que as regiões metropolitanas de Lisboa e Porto, encontra-se melhor. Mas, também o CSTC – Centro de Sangue e Transplantação de Coimbra, fazendo parte de uma instituição nacional, como é o Instituto Português do Sangue e Transplantação, tem o dever de solidariedade e de colaborar com as restantes regiões na salvaguarda das reservas de sangue para todos os portugueses.

Pode uma situação de eventual falta numa região ser resolvida com reservas de outra ou o armazenamento é nacional?

Penso que fica respondido atrás. Apenas informar que cada Centro de Sangue tem as suas próprias colheitas, mas como é uma instituição Nacional, IPST o sangue é direcionado para as áreas onde é necessário. Havendo neste momento mais necessidades na área metropolitana de Lisboa, obviamente, que sempre que possível enviamos sangue para o Centro de Sangue e Transplantação de Lisboa, o que aliás acontece quase todos os dias.

Versão completa na edição impressa

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.