Novo edifício da FEUC aguarda ordem para compra de terreno

Posted by

FOTO DB/PEDRO RAMOS

Que balanço é possível fazer dos seus mandatos à frente da Faculdade de Economia?

Quando, em 2015, me candidatei ao cargo de diretora, escrevi que ambicionava que a FEUC se afirmasse como “Uma faculdade centrada nas pessoas, na investigação e no ensino”. A abertura de concursos de recrutamento e qualificação nas diferentes categorias da carreira docente, foi objetivo assumido desde o início. Verifico, com satisfação, que, desde 2018, conseguimos concretizar 24 concursos internacionais com um total de 36 vagas, a que acrescem 11 vagas em concursos internos, ou seja, um total de 47 vagas. O que significa que, a partir de 2020, a FEUC terá um corpo docente alargado e mais qualificado que importa continuar a valorizar. No âmbito da Investigação, a avaliação dos centros, em 2015, obrigou a uma reflexão profunda sobre o modo como organizamos e desenvolvemos a nossa atividade científica. Nesse sentido, foram lançadas as bases para a construção de uma nova unidade, o Centro de Investigação de Economia e Gestão, que, assumindo a cooperação multidisciplinar, formação de investigadores, a divulgação da cultura científica e a prestação serviços à comunidade de serviços, é hoje reconhecido como o centro de investigação da Universidade de Coimbra naquelas áreas.

Versão completa na edição impressa

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.