“Família” da economia social discute futuro