Académica: Na máxima força na Póvoa de Varzim

Posted by

Arquivo-Varzim SC

Académica e Varzim protagonizam este domingo, a partir das 17H15, o 57.º embate da história entre as duas formações.

O jogo acontece no melhor momento da época, quer para os poveiros (quatro jogos sem perder na 2.ª Liga), quer para os estudantes, que seguem numa série de três jogos no campeonato sem conhecer o sabor da derrota (dois empates e uma vitória), a que se juntam os dois triunfos na Taça de Portugal.

Na Póvoa de Varzim, o histórico é favorável aos varzinistas, que venceram metade (14) dos 28 desafios disputados na sua casa. Há a registar cinco empates e nove triunfos da equipa de Coimbra.

A última vez que os estudantes trouxeram os três pontos da cidade poveira aconteceu na 32.ª jornada da 2.ª Liga 2016/2017. Sob a batuta de Costinha, os academistas venceram por 2-0, com os golos de Leandro Silva e Marinho.

“Ganhar os três pontos”

Em declarações ao magazine da Liga Portugal, César Peixoto abordou o duelo com o Varzim. O técnico considera que a Académica está mais coesa e em crescimento de forma. “Penso que a Académica está mais coesa e mais compacta na sua organização defensiva. Ofensivamente também estamos mais agressivos. A equipa vai crescendo, mas é um crescimento natural ao longo das semanas e dos jogos”, realçou.

“As ideias estiveram sempre lá. A equipa nunca abdicou do seu modelo de jogo e identidade, independentemente do resultado”, assegurou. O foco está na conquista dos três pontos. “Estamos à espera de um jogo complicado e difícil, mas sabemos a qualidade que temos. Vamos para ganhar os três pontos”, garantiu.

César Peixoto vai reencontrar a antiga equipa. “Estive lá nove jogos, que foram vividos de uma forma muito intensa. É um clube especial para mim, mas, neste momento, sou treinador da Académica e vou lá para vencer”, assumiu.

Notícia completa para ler na edição impressa deste fim de semana, 2 e 3 de Novembro, do Diário As Beiras

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.