“Leslie” afetou taxa de ocupação do parque de campismo municipal da Figueira da Foz

Posted by

ARQUIVO DB

Os efeitos da tempestade “Leslie”, um ano depois, ainda se fazem sentir. O parque de campismo municipal foi um dos equipamentos públicos mais afetados.

A força do vento destruiu 380 árvores e atingiu, também, infraestruturas. Os estragos refletiram-se na taxa de ocupação, que sofreu uma queda sem precedentes nos últimos anos.

Até fevereiro de 2019, de resto, o “acesso a grande parte do parque ficou restrito, sobrando apenas a utilização de alguns bungalows que não foram afetados”, indica o gabinete da presidência da câmara, contactado pelo DIÁRIO AS BEIRAS.

A remoção das árvores, afiança, obedeceu a “um procedimento demorado e meticuloso que obrigou a acrescidos cuidados de segurança”. Só em abril é que o parque de campismo recebeu o primeiro evento do ano, com 400 pessoas.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.